Aguarde...

ASSEDIO MORAL NO TRABALHO - RESPONSABILIDADE DO EMPREGADOR


Produto Indisponível

Veja mais títulos de Recursos Humanos

Sinopse

O assédio moral deve ser encarado como espécie do gênero discriminação, porque violador do princípio fundamental do respeito à dignidade da pessoa humana. Trata-se de assunto sempre atual e bastante debatido no ambiente acadêmico, despertando o interesse dos operadores do Direito e estudantes na elaboração de trabalhos de conclusão de curso. Tem provocado muitas discussões, requerendo razoabilidade na análise das questões, haja vista o risco de concluir-se de forma fria e insensível capaz de gerar novos abusos ou, por outro lado, estimular a indústria do assédio moral como novo nicho de reclamações trabalhistas. As empresas precisam rever procedimentos administrativos e/ou reciclar seus administradores, de forma a conscientizá-los sobre os riscos que o assédio moral representa para o ambiente de trabalho, para a saúde física e mental das pessoas, bem como para o patrimônio tangível e intangível das empresas. Considerando sua responsabilidade objetiva, a empresa arcará com eventual indenização pelos danos morais, porém, aquele que for apontado e provado como assediador não estará isento de responder pelo prejuízo causado à empresa, mediante ação regressiva. Uma questão bastante atual que tem gerado discussões diz respeito à tese da ocorrência do assédio processual, a fim de serem evitados abusos, bem como requerimentos e decisões infundadas e, não menos abusivas. É imprescindível o esclarecimento, para que não ocorra a desqualificação de assuntos e problemas que devem ser tratados com mais seriedade do que ideologias.

Detalhes do Produto

    • País de Produção: Brazil
    • Código de Barras:  9788536128757
    • ISBN:  8536128755
    • Encadernação:  BROCHURA
    • Altura: 24.00 cm
    • Largura: 17.00 cm
    • Comprimento: 1.00 cm
    • Peso: 0.33 kg
    • Complemento:  NENHUM
    • Nº de Páginas:  232

Avaliação dos Consumidores

ROLAR PARA O TOPO