Aguarde...

NAO DEIXE ESTA CHAMA SE APAGAR



Produto disponível
Últimas unidades!

Calcule prazo de entrega e frete:

 - 
Este produto pode ser retirado em loja

Sinopse

Este livro conta a história do Jornal da Bahia , fundado nos anos 50 por João Falcão, que o dirigiu durante 25 anos. Uma das mais belas e dramáticas histórias da imprensa brasileira, na qual se registram momentos do mais puro idealismo do Partido Comunista e de outros mais jovens, irmanados pelo ideal de fundar um jornal livre de injunções partidárias e de grupos econômicos que dominavam a imprensa da Bahia e de quase todo o país. Não obstante esta chama de idealismo dos seus fundadores, em poucos anos o Jornal da Bahia consolidou-se como empresa, realizando uma campanha vitoriosa de assinantes por dez anos e construindo uma bela sede própria no seu terceiro ano de funcionamento. Nos anos difíceis de repressão por parte do governo e sem publicidade o jornal contou com o apoio da imprensa nacional, de jornais como O Estado de S. Paulo e A Tarde , e de personalidades, entre as quais deputados estaduais e federais; de órgãos representativos da imprensa, como a Associação Brasileira de Imprensa (ABI) e a Associação Interamericana de Imprensa. Em sua trajetória encontra-se a memória de homens idealistas e brilhantes como Zittelmen de Oliva, Milton Caíres de Brito, Glauber Rocha, João Batista de Lima e Silva, Flávio Costa, Ariovaldo Mattos, Alberto Vita, Osvaldo Peralva, Heron de Alencar, Rafael Pastore e outros. E de grandes jornalistas que o jornal formou e continuaram militando na imprensa baiana e nacional, como João Ubaldo Ribeiro, Muniz Sodré, Florisvaldo Mattos, João Carlos Teixeira Gomes, Antonio Torres, Sebastião Néri, Emiliano José, Levi Vasconcelos, Newton Sobral, Anísio Felix, Gustavo Tapioca Silva e tantos outros.

Detalhes do Produto

    • Ano:  2006
    • País de Produção: Brazil
    • Código de Barras:  9788571063495
    • ISBN:  8571063494
    • Encadernação:  BROCHURA
    • Peso: 0.56 kg
    • Complemento:  NENHUM
    • Nº de Páginas:  252

Avaliação dos Consumidores

ROLAR PARA O TOPO