Aguarde...

PLATAO E A ARTE DE SEU TEMPO



Produto sob encomenda
Previsão: 6 Semanas + Frete

Calcule prazo de entrega e frete:

 - 
Este produto pode ser retirado em loja

Sinopse

Platão tinha aversão à arte, de forma generalizada? A expulsão dos artistas da cidade ideal no décimo livro da República suscita polêmica e a curiosidade muitos. Para acender esse debate, o livro 'Platão e a Arte de seu Tempo' procura analisar e se aprofundar na relação do filósofo ateniense com a arte, sustentando que ele não tinha repulsa por ela, mas sim pelos artistas de seu tempo. Para entender a posição de Platão é preciso recuar aos princípios de sua filosofia. Tudo no mundo físico seria reflexo e imitação do sublime Mundo das Ideias, que ficaria suspenso acima da Terra. Qualquer manifestação do plano físico seria apenas reflexo de algo concebido no mundo de cima - de um objeto físico a uma pessoa bonita. Dessa forma, a arte seria uma cópia da cópia, a imitação da imitação (mímesis). Ademais, ela não seria o resultado do conhecimento, como no caso da filosofia, mas de uma espécie de 'transe' que inspira a criação. A partir de citações, análise dos comentários que o ateniense teceu sobre a arte e sua relação com a Teoria das Ideias, o autor francês delineia um panorama diferente, em que o radicalismo perde terreno.

Detalhes do Produto

    • Ano:  2011
    • País de Produção: Brazil
    • Código de Barras:  9788598233451
    • ISBN:  8598233455
    • Encadernação:  BROCHURA
    • Altura: 21.00 cm
    • Largura: 14.00 cm
    • Peso: 0.26 kg
    • Complemento:  NENHUM
    • Nº de Páginas:  200

Avaliação dos Consumidores

ROLAR PARA O TOPO