Menu
Todo o site em 10x Sem Juros - Clique e confira o regulamento

PRECONCEITO LINGUISTICO

O QUE E, COMO SE FAZ 

Formato: Livro

Autor: BAGNO, MARCOS

Idioma: PORTUGUES

Editora: LOYOLA

Assunto: LINGUÍSTICA

De R$22,50

Por R$20,30*

ou em até 3x de R$ 6,76
sem juros no cartão de crédito

ou até 6x R$ 3,38 sem juros com cartão Livraria Cultura Itaucard e ainda ganhe 203 pontos no programa +cultura.

Clique para Comprar
Comprar

Disponibilidade

Como funciona nossa entrega

Produto disponível, envio em até 1 dia útil + prazo do frete.
Disponibilidade de acordo com a quantidade de produtos em estoque.

Agora você pode participar do nosso site inserindo seus vídeos, suas imagens e links para seu blog ou website. Clique nos ícones ao lado e participe!

Especificações Tecnicas

ISBN:

ISBN-13:

Idioma: português

Encadernação: Brochura

Altura: 17 cm

Largura: 12 cm

Profundidade: 0,013 cm

Peso: 0,190 kg

Edição: 54ª

Ano de Lançamento: 2011

Número de páginas: 186

Sinopse

Neste livro, incorporando as discussões e propostas das ciências da linguagem e da educação, Marcos Bagno reitera seu discurso em favor de uma educação linguística voltada para a inclusão social e pelo reconhecimento e valorização da diversidade cultural brasileira.

  • 10 Opiniões:

    Opine
  • 19/11/2013

    Leandro Felipe Bueno Tierno

    Este feriadão aproveitei para ler este livro PRECONCEITO LINGUÍSTICO do professor Marcos Bagno. Ele mostra um racha que existe entre os estudiosos de Português. De um lado, aqueles que prestigiam a norma-padrão, por alguns chamada de norma culta. Entre estes, o autor do livro cita Dad Squarisi, Pasquale Cipro Neto, Luiz Antônio Sacconi e Napoleão Mendes de Almeida. Para estes, o autor desce o pau, dizendo que eles acabam por aumentar ainda mais o preconceito regional/social no Brasil, por reconhecerem apenas a norma-padrão do Português como válida, e desmerecendo e ridicularizando as peculiaridades e a forma não padrão de escrita de boa parte da população brasileira, que é formada de analfabetos ou semi-analfabetos analfabetos funcionais. Por outro lado, ele se coloca como um cientista da língua, dentro da escola da linguística, que entende que a língua é algo mais amplo do que a norma-padrão , sendo válidos como meio de expressão da língua, mesmos esses desvios da norma-culta, se eles se prestam a comunicar o pensamento. Pessoalmente, atei o livro bem interessante, pois desconhecia essa GUERRA DE FOICE que alguns professores de Português travam. Por um lado, eu ficaria no meio-termo. Explico: Penso que, de fato, muitos professores são elitistas no Brasil e desmerecem por completo ou em boa parte as peculiaridades interioranas, quando não as ridicularizam. E a língua é apenas uma das inúmeras formas como esse fenômeno da discriminação pode ocorrer. Por outro lado, não compacto com a forma áspera e agressiva como o autor se refere a outros professores. Ao fazer isso, mutatis mutandis, ele se igual aos que tanto critica. Porém, eu acho que a norma-padrão nunca perderá sua importância fundamental, principalmente no âmbito escrito e de uso profissional. Isso traz coesão e uniformidade para o idioma. Imagine se todo mundo começasse a escrever da forma como quer. Isso daria azo até a dificuldades de compreensão. Exemplo: o cara escrever em um documento alface como aufase, porque o som é assim. Complicado, não? O que ocorre hoje que vejo é um ataque a tudo que é tradicional, como se fosse tudo de menos-valia, e a postura nova fosse melhor, progressista. A pergunta é: O que é o progresso? Progresso é sinônimo de novo?

  • 04/01/2010

    Salvador Viana

    Vejo o livro do Bagno seguindo o rastro do Estudos Culturais e do desconstrutivismo.
    para ser muito breve, noto um certo populismo academico, no sentido do estudo produzido com vies militante, bem na linha ideologica ..
    Sobre os danos causados por tal ''estilo'' muito ja foi publicado e discutido. Por isso acho que vale a pena aplicar ao estudo um olhar critico das ideologias e em sintonia com o debate que tal querella tem suscitado.
    Um grande abraço

  • 07/10/2009

    Jimmy Avila


    Com a desculpa de querer denunciar um tal PRECONCEITO o livro acaba fazendo muito pouco da lingua, tudo em favor de um ''sociologismo'' barato, muito mais para PANFLETISMO IDEOLOGICO do que ESTUDO SENSATO DO PORTUGUES.

  • 27/06/2009

    Gustavo Bandeira

    O livro me faz pensar num aspecto linguístico que parece já ter sido bastante esquecido, e esse aspecto é que o mais importante é a comunicação efetiva e não a estética narcisista e doentia que visa apenas o egocentrismo de seu escritor/falante.

  • 27/03/2009

    Marcus Aurélio

    Este livro é um marco da língua falada em nosso país, derruba barreiras de comunicação e mostra, verdadeiramente, o Brasil como ele é.
    Quantos dialetos encontramos, quantas culturas diferentes que julgamos ser, muitas vezes o incorreto.
    Quem lê este livro aprende a dar valor ao nosso povo e pode superar obstáculos preconceituosos existente em nossa língua.

    Marcus Aurélio
    Estudante de Turismo da FACOTTUR/PE

  • 10/06/2008

    feitosarocha

    Marcos Bagno torna o estudo da lingua não algo fechado, dogmático e legalista mas um estudo cientifico com todos os instrumentos e duvidas que a ciencia impõe.

  • 28/03/2008

    Evellin Mellissa Dumont de Souza

    Me sinto muito honrada de ter um professor tão genial como Marcos Bagno...Esse livro proporciona não só a reflexão como profissional da área como também levanta questões polêmicas do senso comum. Ótimo para todo tipo de leitor e ideal para todos os brasileiros!!!!!!!!

  • 15/11/2005

    Manuel Tassara

    Como estudante e, recentemente, como professor de Português Língua Estrangeira, é costume muitos brasileiros me dizerem: Você aprende/ensina o português certo ou isso que a gente fala? É lamentável que exista uma minoria tão minoritária mesmo que não se sinta diminuída na sua expressão em português. E é isso que Bagno tenta combater, criando em seus leitores a consciência de que todos os brasileiros têm o direito de apropriar-se da língua portuguesa e de enformar seus pensamentos e idéias através dela, sem ter que prestar contas aos Pasquales da vida. Convido todos aqueles que já pensaram no Português Certo como um inacessível dom das alturas a lerem este livro e refletirem um pouquinho sobre ele, sobre cada um e sobre a última flor do Lácio, bela porque cheia de cultura.
    Não acho que custe muito. Afinal, nem caro o livro é.

    Boa leitura!

  • 31/12/2002

    Camila Ribeiro

    Marcos Bagno conseguiu sintetizar nesse livro tudo o que nós, usuários da Língua Portuguesa, queríamos, há muito, dizer aos alienados gramáticos e súditos da sacrossanta Gramática Normativa. Essa que, graças aos seus admiradores e profetas, conseguiu iverter a ordem hierárquica de qualquer língua, passsando de subordinada a opressora--sim, por que todos sabemos que, muito antes da norma, a línguagem verbal já existia e exercia sua função primordial: a comunicação.
    Pasquale, Sacconi, enfim, todos os pretensos estudiosos da Língua Portuguesa, sem a formação necessária lingüística para tal, deveriam ler esse livro...Estamos cansados de suas caras lavadas e ditadoras, dizendo-nos o que e como escrever...
    Porém, achei Bagno , em alguns momentos, extremamente subjetivo e pessoal...Deflagrando e impondo opiniões de cunho marxistas...E muitas vezes nos dando a impressão de querer "anarquizar" a língua.
    Por isso considerei o livro bom como uma iniciação e apoio para futuros embasamentos lingüísticos, e não como única fonte de defesa e conceito...

  • 06/04/1999

    Ronaldo Cagiano

    Marcos Bagno, depois de "A Língua de Eulália", dá um verdadeiro show nesta nova obra: "Preconceito Lingüístico", demonstrando quão prejudiciais são os esquemas autoritários impostos pelos gramáticos, que, com sua caisa de força estilística, querem impor, goela abaixo, uma "língua politicamente correta", desconhecendo as razões sociológicas, culutrais e psicológicas que determinam esse ou aquele modo ("errado", para eles) de falar. Marcos Bagno contribui para esclarecer a estudantes, leitores, professores, leigos ou entendidos sobre os valors intrínsecos da nosso idioma, aém das regras e conceitos que tanto sistematizam, massificam, mumificam e tornam irrespirável essa "Flor do Lácio Inculta e Bela".
    Eis um livro que deveria estar nos programas didáticos das Escolas, do 1º grau à Universidade.

    Ronaldo Cagiano
    escritor, autor de 4 livros de poesia e um de ensaio

Links Relacionados

BAGNO, MARCOS
Marcos Bagno é Professor do Depto. de lingüistica da Universidade de Brasília, Doutor em Filologia e Língua Portuguesa pela Universidade de São Paulo, tradutor, escritor com duas dezenas de títulos publicados, entre literatura e obras técnico-didáticas. Entre estas se destacam 'A Língua de Eulália: novela sociolingüística' (Contexto, 1997), 'Pesquisa na escola: o que é, como se faz' (Loyola, 1998), 'Preconceito lingüístico: o que é, como se faz' (Loyola, 1999), 'Dramática da língua portuguesa: tradição gramatical, mídia & exclusão social' (Loyola, 2000) e 'Português ou brasileiro? Um convite à pesquisa' (Parábola, 2001). Organizou e traduziu 'A norma lingüística' (Loyola, 2001).

Opinião do Leitor

  • 10 Opiniões:

    Opine
  • 19/11/2013

    Leandro Felipe Bueno Tierno

    Este feriadão aproveitei para ler este livro PRECONCEITO LINGUÍSTICO do professor Marcos Bagno. Ele mostra um racha que existe entre os estudiosos de Português. De um lado, aqueles que prestigiam a norma-padrão, por alguns chamada de norma culta. Entre estes, o autor do livro cita Dad Squarisi, Pasquale...+ ver mais

  • 04/01/2010

    Salvador Viana

    Vejo o livro do Bagno seguindo o rastro do Estudos Culturais e do desconstrutivismo.
    para ser muito breve, noto um certo populismo academico, no sentido do estudo produzido com vies militante, bem na linha ideologica ..
    Sobre os danos causados por tal ''estilo'' muito ja foi publicado...+ ver mais

Voltar

PESQUISA NA ESCOLA

'Pesquisa na escola' se divide em duas partes - a pesquisa na escola em geral, e algumas sugestões para transformar a atividade de pesquisa numa verdadeira fonte de aquisição de conhecimento; e a tentativa de introduzir a atividade de pesquisa também naquela disciplina que, ao lado da matemática, é considerada a mais importante...

MACHADO DE ASSIS PARA PRINCIPIANTES

Organizado por Marcos Bagno, este livro reúne trechos selecionados de romances e crônicas e ainda dez contos integrais de Machado de Assis, organizados por tema.

12 FACES DO PRECONCEITO

Neste livro, doze autores discutem diferentes formas de preconceito na sociedade. Experiências pessoais e a vivência profissional de cada autor permitem um quadro amplo e acessível do problema da discriminação sexual, racial, linguística, social, contra idosos, jovens, deficientes, migrantes e pessoas fora dos padrões...

PORTUGUES OU BRASILEIRO?

Esta obra analisa cinco casos sintáticos do português do Brasil que marcam nitidamente as diferenças entre o português de Portugal e o português do Brasil. Ao tratar do português do Brasil de modo didático e aberto às questões mais candentes em sociolingüística, Bagno escreve um livro destinado aos professores de língua...

MINI MIRIM E O PLANETA QUE ENCOLHEU

Nicolau escondeu-se atrás de uma árvore e ficou esperando... E foi aí que fez a maior descoberta científica de toda a história da humanidade. Descobriu uma criaturazinha escura, muito preta, com um corpo igual ao de uma pessoa, só que com um milímetro de altura... Uma criaturazinha que veio de um planeta que encolheu......

NORMA OCULTA, A

'A norma oculta' aprofunda o estudo das relações entre língua e poder no Brasil e avança para a afirmação de que o preconceito lingüístico na sociedade brasileira é, na verdade, um entranhado preconceito social. Bagno lança um olhar inquiridor sobre a história da constituição das línguas para desvendar nossa realidade...

LINGUA DE EULALIA, A

Neste livro, Marcos Bagno argumenta que falar diferente não é falar errado e o que pode parecer erro no português não-padrão tem uma explicação, científica (linguística, histórica, sociológica, psicológica). Para explicar essa problemática, o autor reúne então em 'A Língua de Eulália' as universitárias Vera, Sílvia e Emília,...

NAO E ERRADO FALAR ASSIM!

Neste livro, o autor estuda 50 fenômenos linguísticos incorporados na língua dos brasileiros 'cultos', mas que ainda são alvo da campanha persecutória e dogmática dos puristas. 'Não é errado falar assim' defende o português brasileiro contemporâneo, com base nos resultados das pesquisas de centenas de linguistas.

NORMA LINGUISTICA

Os textos reunidos neste volume oferecem análises teóricas e proposições práticas que podem contribuir para a revisão dos conceitos de 'norma culta' e de 'padrão de língua' que vigoram no Brasil, conceitos pouco claros e que geram confusão, não só no senso comum e na pedagogia tradicional, mas também no ambiente da pesquisa...

LINGUA MATERNA

Este livro propõe uma pedagogia da língua materna que não perde de vista o fato fundamental da heterogeneidade linguística. Ao ampliarem a noção de alfabetização pela noção de letramento, bagno, Stubbs e Gagné se posicionam em prol de uma educação lingüística que abandone o estudo da língua como objeto em si mesma e passe...

LINGUISTICA DA NORMA

Junto com o livro Norma Lingüística, publicado por Edições Loyola e o qual este volume dá seqüência, 'Lingüística da Norma' pretende ser uma contribuição para que o debate sobre uma ampla agenda de temas importantes - a variação e a mudança lingüísticas, o ensino de língua nas escolas, a formação dos professores de português,...

ESPELHO DOS NOMES, O

Um garoto está preso em um mundo mágico, cheio de personagens estranhos e situações desafiadoras. Para voltar para casa, ele tem de desvendar charadas e até desafios matemáticos.

VIDA DE CONTOS DE FADAS, UMA

Certa noite, um garoto sem sono resolve ler os Contos de Andersen. Ao pegar o livro da estante, ele percebe alguma coisa se mexendo entre as páginas. Para sua surpresa é um ser minúsculo que pula dali, usando uma túnica colorida e um grande chapéu. Ele se apresenta como Ole Lukoie e diz ter contado a Hans Christian Andersen...

LENDA DO MURI-KEKO, A

Entender e dominar a natureza sempre estiveram entre os principais desafios do homem, inspirando aventuras, descobertas e a criação dos mitos. O desejo de voar é um deles. Nesta história em forma de lenda, um ratinho consegue a proeza de realizar este grande sonho, mas a um alto custo.

SETE ERROS AOS QUATRO VENTOS

'Sete erros aos quatro ventos' investiga os livros didáticos como gênero discursivo e o que se faz neles com a variação linguística. Embora o tratamento dado aos outros eixos de ensino (leitura, oralidade e produção textual) se revele cada vez mais aprimorado, a abordagem da língua como sistema e da variação linguística...

NADA NA LINGUA E POR ACASO

A variação lingüística veio para ficar como objeto e objetivo das novas propostas de educação em língua materna. No entanto, o tratamento desse importante tema, na escola e na sociedade em geral, ainda deixa muito a desejar, por falta de embasamento teórico claro e de reflexões mais solidamente apoiadas nos postulados...

CARAMINHOLAS DE BARRIGAPE

Barrigapé é um caracol que vive num brejo, mas que é diferente dos demais companheiros, porque não para de ter ideias e de sonhar com coisas mirabolantes. Para começar, ao saber que o nome científico de sua família era Gastrópode, logo trata de mudá-lo. Depois, o espevitado Barrigapé inventa de voar como uma borboleta,...

FESTA NO MEU JARDIM

Nestes poemas, Marcos Bagno busca apresentar vários bichos que habitam um jardim, compondo um cenário que pode ser familiar às crianças.

VAGANAU

Este livro recolhe a produção em versos de Marcos Bagno desde a década de 1980. A linguagem é o tema recorrente de muitos dos poemas.

POLITICAS DA NORMA E CONFLITOS LINGUISTICOS

As línguas são vistas neste livro como instituições sociais, como objetos de debates e polêmicas políticas. A obra apresenta diferentes processos de construção linguística e capítulos dedicados especificamente ao debate normativo no país, com o objetivo de contribuir para a compreensão das discussões sobre a língua portuguesa...

GRAMATICA PEDAGOGICA DO PORTUGUES BRASILEIRO

Essa obra pretende contribuir para a formação docente, para que as professoras e os professores de português e de outras disciplinas conheçam mais profundamente e com melhores bases teóricas o seu objeto de trabalho, o português brasileiro. As propostas contemporâneas de educação em língua materna rejeitam veementemente...

MEMORIAS DE EUGENIA, AS

A protagonista e narradora desta história relaciona-se com o mundo e as pessoas de uma forma bem particular - Eugênia é uma árvore que presencia o surgimento e o crescimento da cidade onde vive e sofre as consequências do progresso.

PALAVRA, O QUE E?, A

Este é um livro sobre palavras - doces ou amargas, cheias ou vazias, que vêm ou fogem, que fazem chorar ou enchem o coração, que espantam o medo, entre outras. Este texto convida os pequenos leitores a uma viagem pelo mundo das palavras.

GRAMATICA DE BOLSO DO PORTUGUES BRASILEIRO

Versão sintética (para aplicação prática e rápida) da Gramática pedagógica do português brasileiro. O principal objetivo aqui é oferecer informação imediata e precisa para as pessoas empenhadas na exigente tarefa da educação linguística. Não há aqui longas digressões teóricas. A Gramática de bolso do português brasileiro...

POROROCA, PIPOCA, PACA E OUTRAS PALAVRAS DO TUPI

O que quer dizer estar na pindaíba? Por que chamamos de muquirana alguém que é pão-duro? Qual a origem dos nomes Moacir, Jandira, Ubiratã, Iracema, Iara, Maíra, Moema e Jurema? Você sabe de onde vem sapecar? Por que só nós, brasileiros, temos um nome especial para pipoca? Todas essas palavras e muitas outras têm origem...

Voltar

PESQUISA NA ESCOLA

Livro

 R$14,80
 

MACHADO DE ASSIS PARA PRINCIPIANTES

Livro

 R$34,90
 

12 FACES DO PRECONCEITO

Livro

 R$25,00
 

PORTUGUES OU BRASILEIRO?

Livro

 R$31,90
 

MINI MIRIM E O PLANETA QUE ENCOLHEU

Livro

 R$24,00
 

NORMA OCULTA, A

Livro

 R$19,00
 

LINGUA DE EULALIA, A

Livro

 R$22,80
 

NAO E ERRADO FALAR ASSIM!

Livro

 R$48,00
 

NORMA LINGUISTICA

Livro

 R$41,20
 

LINGUA MATERNA

Livro

 R$24,50
 

LINGUISTICA DA NORMA

Livro

 R$50,30
 

ESPELHO DOS NOMES, O

Livro

 R$41,50
 

VIDA DE CONTOS DE FADAS, UMA

Livro

 R$35,50
 

LENDA DO MURI-KEKO, A

Livro

 R$29,00
 

SETE ERROS AOS QUATRO VENTOS

Livro

 R$26,50
 

NADA NA LINGUA E POR ACASO

Livro

 R$40,00
 

CARAMINHOLAS DE BARRIGAPE

Livro

 R$29,90
 

FESTA NO MEU JARDIM

Livro

 R$29,90
 

VAGANAU

Livro

 R$26,50
 

POLITICAS DA NORMA E CONFLITOS LINGUISTICOS

Livro

 R$41,50
 

GRAMATICA PEDAGOGICA DO PORTUGUES BRASILEIRO

Livro

 R$127,00
 

MEMORIAS DE EUGENIA, AS

Livro

 R$33,00
 

PALAVRA, O QUE E?, A

Livro

 R$29,90
 

GRAMATICA DE BOLSO DO PORTUGUES BRASILEIRO

Livro

 R$30,80
 

POROROCA, PIPOCA, PACA E OUTRAS PALAVRAS DO TUPI

Livro

 R$45,00
 
Avançar
ATENÇÃO
Os preços dos produtos estão sujeitos a alteração sem prévia comunicação.
Os pedidos ficam condicionados a disponibilidade do estoque da Livraria Cultura e de nossos fornecedores (editoras e distribuidores).

*Produto com preço promocional: Produtos promocionais não acumulam pontos no programa +cultura. Consulte o regulamento do programa.

Tags desse produto

ALFABETIZAÇÃO (1) , DIVERSIDADE CULTURAL DO BRASIL (1) , EDUCAÇÃO LINGUISTICA (1) , INCLUSAO SOCIAL (1) , LETRAMENTO (1) , LINGUAGEM E EDUCAÇÃO (1)

Minhas tags para esse produto

Para atribuir suas Tags para este produto, clique aqui e faça seu login.

Últimos produtos visualizados

Quer saber o que andou olhando?

PRECONCEITO LINGUISTICO

Neste livro, incorporando as discussões e propostas das ciências da linguagem e da educação, Marcos Bagno reitera seu discurso em favor de uma educação linguística voltada para a inclusão social e pelo reconhecimento e valorização da diversidade cultural brasileira.

  • Livro

    PRECONCEITO LINGUISTICO

    MARCOS BAGNO

     R$20,30*
     

Fique atento! A disponibilidade de estoque de alguns produtos não é a mesma no site e nas lojas físicas. Os preços e condições aqui indicados são válidos apenas para compras online.
Em nossas lojas, por favor, consulte um vendedor.

Atenção: Os brinquedos divulgados em nosso site possuem certificação do Inmetro.

Livraria Cultura S/A | www.livrariacultura.com.br | Av. Paulista 2073, Ed. Horsa II, 8º andar, Cerqueira Cesar, CEP 01311-940, São Paulo - SP - Brasil
CNPJ 62.410.352/0001-72 | IE 111.133.781.116 | PABX 11 3170-4033

Livraria Cultura

Todos os direitos reservados. Copyrights 2014.