Aguarde...
 

CHOVE SOBRE MINHA INFANCIA



Produto disponível até 15min após 
a confirmação do pagamento!

Sinopse

CHOVE SOBRE MINHA INFÂNCIA Miguel Sanches Neto CHOVE SOBRE MINHA INFÂNCIA nasceu das vivências reais do paranaense Miguel Sanches Neto, mas não é uma autobiografia. Mesmo quando se vale de suas próprias experiências, o autor não busca a verdade factual, mas a psicológica.Sanches Neto constrói uma saga dramática no sul do país, em que as antíteses sociais são forçadas a conviver entre si. O personagem principal deve receber a herança do mundo rural e do analfabetismo para encontrar-se consigo e com sua história - uma necessidade muitas vezes camuflada em um país envergonhado de si mesmo. O leitor vai encontrar neste romance um Brasil que se olha, se mostra e que comove, identificando-se com a história do menino perdido em meio a poderosas forças antagônicas. Miguel Sanches Neto nasceu em Bela Vista do Paraíso, norte do Paraná, em 1965, e passou a infância em Peabiru. Crítico literário (com mais de 400 artigos escritos) e atual diretor-presidente da Imprensa Oficial do Paraná, trabalhou como técnico agrícola, agricultor e professor universitário. Tem doutorado em literatura pela Unicamp. Este é seu primeiro romance. "O livro de Miguel Sanchez Neto é extraordinário. Um romance de formação/livro de memórias do maior nível. Altamente emocionado e emocionante sem jamais ser piegas, é sobretudo de uma veracidade, de um realismo vital admiráveis, com toda a sua dor, o seu humor e a sua fúria, além de ser visceralmente brasileiro. Certos capítulos são antológicos, obras-primas de prosa, como "A primeira vez de um menino", "Imemorial", "Minha pátria" ou o "Epílogo." - Alexei Bueno

Detalhes do Produto

    • Formato:  ePub
    • Origem:  NACIONAL
    • Editora: RECORD
    • Assunto: Romances
    • Idioma: PORTUGUÊS
    • Edição:  1
    • Ano de Edição: 2011
    • Ano:  2011
    • País de Produção: Brazil
    • Código de Barras:  2001121609804
    • ISBN:  9788501400338

Avaliação dos Consumidores

ROLAR PARA O TOPO