Aguarde...

NECROPOLE


Produto Indisponível

Veja mais títulos de Biografias

Sinopse

Uma obra-prima da literatura do Holocausto Quando o fluxo da memória começa a correr, e as lembranças voltam à tona com sua carga de dor e comoção. CAmpo de concentração de Natzweiler-Struthof, nos Vosges, Alemanha. O Homem que, numa tarde de verão, chega com um grupo de turistas não é um visitante qualquer, mas Boris Pahor, um ex-prisioneiro que, depois de muitos anos, volta ao lugar onde esteve preso. O Autobiográfico Necrópole traz as lembranças que surgem diante das barracas e do arame farpado transformados em museu e centro de visitação. EScrito numa linguagem crua que não faz concessões à autocomiseração, o livro marca por seu texto forte e, muitas vezes, violento, que descreve, em mínimos detalhes, atrocidades como a tortura de presos e a dissecação de cadáveres. UMa das características de Pahor é utilizar-se de parágrafos longos, que deixam o leitor sem ar, angustiado, como o próprio autor se sentia nos anos em que viveu no campo. PAhor, durante a Segunda Guerra Mundial, colaborou com a resistência antifascista eslovena e foi deportado para os campos de concentração nazistas, experiência que o marcou profundamente e da qual se encontram resquícios na maior parte da sua extremamente rica produção literária. MAis do que um escritor, uma lenda viva.

Detalhes do Produto

    • Ano:  2013
    • Código de Barras:  2000032992029
    • Altura: 23.00 cm
    • Largura: 16.00 cm
    • Comprimento: 1.70 cm
    • Peso: 0.44 kg

Avaliação dos Consumidores

ROLAR PARA O TOPO