Aguarde...
 

TRABALHO ESCRAVO E TRAFICO DE PESSOAS

O CASO DOS TRABALHADORES BOLIVIANOS EM SAO PAULO


    R$ 245,30

    em até 8x de R$ 30,66 sem juros no cartão, ver mais opções
    Produto sob encomenda
    Previsão: 6 Semanas + Frete

     
    Frete grátis para compras acima de:
    Sul e Sudeste: R$ 99,00
    Centro-Oeste e Nordeste: R$ 109,00
    Norte: R$ 139,00
    Confira o regulamento

    Calcule prazo de entrega e frete:

     - 

    Sinopse

    No atual cenário de globalização são verificadas diversas práticas de exploração laboral. No Brasil, em Sao Paulo, existem casos de trabalhadores imigrantes bolivianos vítimas de tráfico de pessoas e de trabalho escravo. Este livro discute os conceitos de trabalho decente, trabalho escravo, trafico de pessoas e trafico de migrantes com o objetivo de analisar a exploração sofrida por estes imigrantes bolivianos em oficinas de costura na capital paulista. São estudados normativos internacionais e brasileiros, assim como iniciativas de combate ao trabalho escravo e ao tráfico de pessoas. Também são apresentados depoimentos dos próprios trabalhadores e é explicado o raciocínio utilizado pelas autoridades brasileiras a embasar a responsabilização dos tomadores de serviços na ponta das cadeias produtivas. A presente obra destina-se tanto a estudiosos e profissionais do Direito quanto ao público que deseja compreender questões acerca de trabalho escravo contemporâneo e de tráfico de pessoas.

    Detalhes do Produto

      • Subtítulo:  O CASO DOS TRABALHADORES BOLIVIANOS EM SAO PAULO
      • Origem:  IMPORTADO
      • Editora: NOVAS EDICOES ACADEM
      • Edição:  1
      • Ano:  2015
      • Assunto: Direito
      • Idioma: PORTUGUÊS
      • País de Produção: United States
      • Código de Barras:  9783639845440
      • ISBN:  3639845447
      • Encadernação:  BROCHURA
      • Altura: 22.80 cm
      • Largura: 15.20 cm
      • Comprimento: 1.30 cm
      • Peso: 0.34 kg
      • Complemento:  NENHUM
      • Nº de Páginas:  232

    Avaliação dos Consumidores

    ROLAR PARA O TOPO