Aguarde...
 

CORES PROIBIDAS


Produto Indisponível

Veja mais títulos de Romances

Sinopse

Grande admirador das tradições milenares da cultura japonesa, especialmente da conduta virtuosística dos samurais, Yukio Mishima viveu a literatura como se fosse parte indissociável de sua existência. ALém de romances, escreveu também poemas, ensaios e peças teatrais. CRítico contumaz da degradação do Japão moderno, permaneceu sempre em luta pela retomada dos valores clássicos do seu país, até cometer o suicídio, em 1970. SUa morte é emblemática de como, para ele, arte e vida não se separavam: depois de rasgar o próprio ventre com um sabre, foi decapitado por um de seus discípulos, de acordo com a tradição samurai.COres proibidas, publicado pela primeira vez em 1953, é um dos primeiros romances de Mishima, pseudônimo de Hiraoka Kimitake (1925-1970). A Narrativa compõe uma trama de alto teor homoerótico sobre a repressão do desejo e a proximidade entre pulsão sexual e dissolução de velhas convicções morais na sociedade devastada do Japão pós-Segunda Guerra. NO romance, Shunsuke é um velho escritor que, depois de três casamentos fracassados e uma existência dedicada aos exercícios espirituais, encontra na homossexualidade uma nova aspiração existencial. SHunsuke conhece Yuichi, um jovem de beleza frágil e estonteante que se torna seu amante e uma espécie de fantoche para seus planos de vingança contra as mulheres. O Enredo encadeia revelação atrás de revelação, provocando no leitor um misto de curiosidade e atordoamento, já que os personagens assumem atitudes contraditórias e comportamentos escorregadios.

Detalhes do Produto

    • País de Produção: Brazil
    • Código de Barras:  9788535901771
    • ISBN:  8535901779
    • Encadernação:  BROCHURA
    • Altura: 21.00 cm
    • Largura: 14.00 cm
    • Comprimento: 3.00 cm
    • Peso: 0.69 kg
    • Quantidade de Itens do Complemento:  0
    • Nº de Páginas:  576

Avaliação dos Consumidores

ROLAR PARA O TOPO